Dilma leva mais tempo com Hillary, Chávez, Mujica e Lugo entre as autoridades estrangeiras na posse

| Agência Brasil

Ao receber os cumprimentos das autoridades estrangeiras, no Palácio do Planalto, depois do discurso no parlatório, a presidenta Dilma Rousseff levou mais tempo conversando com alguns líderes políticos. Elas também os abraçou e posou para fotografias. Foram os casos da secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, e dos presidentes da Venezuela, Hugo Chávez, do Paraguai, Fernando Lugo, e do Uruguai, José Mujica.

Com Hillary, Dilma alternou a conversa em inglês e em português. O tradutor se manteve ao lado das duas para dar suporte. Ambas sorriram e, segundo assessores, há a possibilidade de uma reunião bilateral amanhã (2), no Planalto.

A conversa com Chávez foi mais demorada. O presidente venezuelano foi um dos primeiros líderes estrangeiros a elogiar publicamente a candidatura de Dilma à Presidência da República. Ao chegar a Brasília, Chávez voltou a elogiar Dilma e a reiterar que a tendência, na gestão da presidenta, é a intensificação da política regional.

Dilma conversou demoradamente com Mujica e a mulher dele, a senadora Lucía Topolansky. Como a presidenta, o casal uruguaio tem um passado de luta armada contra a ditadura militar. O cumprimento de Mujica e da primeira-dama uruguaia a Dilma gerou comentários entre eles que os levaram a um sorriso.

Ao abraçar o paraguaio Lugo, Dilma também se demorou. O presidente do Paraguai se recupera de um câncer e ainda apresenta sinais dos efeitos das sessões de quimioterapia – está careca e aparentemente mais pálido.

O Itamaraty informou que há representantes de 132 países nas cerimônias de posse de Dilma. Mas são, no total, aproximadamente 80 autoridades entre presidentes, primeiros-ministros, chanceleres e também o príncipe Felipe da Espanha.

Últimas notícias

20/10 - 14:15 Ministério autoriza pagamento do Garantia-Safra a agricultores 20/10 - 14:13 Polícia Civil do Rio inaugura Central de Atendimento ao Cidadão 20/10 - 14:12 Nível do Sistema Cantareira está em 3,5% 17/10 - 10:50 TSE suspende trecho de propaganda de Dilma 17/10 - 10:48 Incêndios no país em outubro dobram em relação ao mesmo mês de 2013 17/10 - 10:43 IPC-S cai em cinco capitais na segunda semana de outubro 17/10 - 10:39 Saúde libera R$ 12 milhões para municípios intensificarem atenção à desnutrição 17/10 - 10:32 Fundo das Nações Unidas só tem US$ 100 mil para combater ebola 17/10 - 10:27 Alimentos mantém pressão sobre inflação em São Paulo 17/10 - 10:24 Entidades pedem fim de concessão de meios de comunicação a políticos com mandato 17/10 - 10:18 Convenção do Sistema Unimed debate impacto dos custos de órteses, próteses e materiais especiais 16/10 - 17:58 No Rio, Campanha Outubro Rosa arrecada cabelo para confecção de peruca 16/10 - 17:52 Bovespa cai 3% com aversão a risco e quase zera ganhos do mês 16/10 - 16:55 Novelis fecha fábrica de alumínio primário em Ouro Preto (MG) até fim do ano 16/10 - 16:22 Governador sobrevoa área atingida por incêndio na região serrana do Rio 16/10 - 15:44 Aeroporto de Madri ativa protocolo de emergência após suspeita de ebola 16/10 - 15:38 Índice de Atividade Econômica cresce 0,27% em agosto 16/10 - 15:33 Governo divulga regras para leilão de energia previsto para dezembro

Edição Digital

Edição 20/10/14

© 2010 Copyright Diários Associados Todos os direitos reservados

O uso deste site está sujeito aos termos de uso. Ao continuar usando esta página, você concorda em cumprir com estes termos.