Brasil vai cobrar explicações de autoridades da Austrália sobre morte de brasileiro

| Agência Brasil
Brasília – O governo do Brasil se prepara para cobrar das autoridades da Austrália explicações sobre as circunstâncias que provocaram a morte do estudante brasileiro Roberto Laudisio Curti, de 21 anos, anteontem (18). Informações preliminares indicam que Curti foi atingido por uma série de disparos de armas elétricas usadas por policiais. O brasileiro foi morto durante perseguição policial em Sydney, a cidade mais populosa do país.

As autoridades brasileiras querem esclarecer em detalhes as circunstâncias que levaram o jovem à morte. As primeiras informações são que Curti foi perseguido por policiais que desconfiaram que ele havia furtado biscoitos de uma loja de conveniência. Curti foi detido com armas elétricas e gás de pimenta.

O cônsul-geral do Brasil na Austrália, Américo Fontenelle, acompanha pessoalmente as investigações e a assistência prestada à família de Curti, segundo o Ministério das Relações Exteriores. 

Em 2005, o mineiro Jean Charles de Menezes, de 27 anos, foi morto por policiais em Londres , na Grã-Bretanha, ao ser confundido com um suspeito terrorista em um trem do metrô da capital britânica. A morte dele ocorreu depois de uma série de atentados ao sistema de transporte público de Londres.

Curti morava em Sydney há menos de um ano e foi para a Austrália estudar inglês. O jovem dividia a moradia com amigos, mas tinha uma irmã vivendo na cidade e casada com australiano. Desde domingo (18), o Itamaraty, a Embaixada do Brasil na Austrália e o consulado em Sydney estão em contato com a família do estudante.

Últimas notícias

17/12 - 23:22 Petrobras tem primeira receita com a Refinaria Abreu e Lima 17/12 - 23:20 Estudo revela que julgamento de homicídios no Brasil demora mais de oito anos 17/12 - 23:17 Júlio Delgado se lança candidato à presidência da Câmara com apoio da oposição 17/12 - 23:14 Reaproximação dos Estados Unidos e Cuba polariza democratas e republicanos 17/12 - 09:58 IPC-S cai em cinco capitais na segunda semana de dezembro 17/12 - 09:51 Índice que reajusta aluguel tem inflação de 0,65% em dezembro 17/12 - 09:49 Hamas diz que saída da lista de organizações terroristas é uma vitória 17/12 - 09:47 Adiada para esta quarta-feira sessão do Congresso que votará LDO de 2015 15/12 - 16:51 Juiz abre ação penal contra Costa, Youssef e dirigentes da OAS 15/12 - 16:44 MP/SP vai ouvir funcionário e direção da Santa Casa sobre superfaturamento 15/12 - 16:37 Balança comercial tem superávit de US$ 380 milhões na segunda semana de dezembro 15/12 - 16:34 Homem é suspeito de ter matado cinco pessoas nos Estados Unidos 15/12 - 16:30 Ministério Público denuncia mais quatro investigados na Lava Jato 12/12 - 16:36 Plano de saúde terá que substituir serviço descredenciado por equivalente 12/12 - 10:37 Inflação para famílias com renda mais baixa sobe para 0,56% em novembro 12/12 - 10:33 EUA pedem aos países em desenvolvimento atuação contra aquecimento global 12/12 - 10:28 IBGE: maior proporção de empresas de alto crescimento está no Norte e Nordeste 12/12 - 10:25 Profissionais de saúde abraçam Santa Casa de Misericórdia de São Paulo

Edição Digital

Edição 17/12/14

© 2010 Copyright Diários Associados Todos os direitos reservados

O uso deste site está sujeito aos termos de uso. Ao continuar usando esta página, você concorda em cumprir com estes termos.