Manifestantes e policiais se enfrentam novamente no Chile

| Agência Brasil
Brasília – Manifestantes e policiais voltaram a se enfrentar nesta quarta-feira (25), de forma violenta, nas ruas de Santiago, no Chile. Os manifestantes, em sua maioria estudantes, reivindicam mudanças no ensino e gratuidade para a educação superior. No mesmo dia dos protestos, o presidente chileno, Sebastián Piñera, anunciou que a partir da reforma tributária, o governo investirá mais em educação e assegurará o acesso de maior número de estudantes ao ensino superior.

Os protestos de ontem ocorreram em várias cidades chilenas como Concepción, La Serena, Osorno, Talca e Chillan, além de Santiago. Na capital, as pessoas caminharam pelas principais avenidas. Há relatos de que os policiais usaram bombas de gás lacrimogêneo para dispersar os manifestantes.

No Chile, o ensino superior é totalmente privado. Os manifestantes querem a gratuidade. Piñera anunciou que com as mudanças em estudo, 60% dos estudantes serão beneficiados devido ao bom desempenho na sua vida escolar,  enquanto 90% terão condições de aderir a créditos educativos destinados aos universitários.

Os protestos no Chile relacionados à educação ocorrem há sete meses. A vice-presidenta da Federação dos Estudantes da Universidade do Chile,  Camila Vallejo, disse que apesar do cansaço devido ao longo período de manifestações no país, ainda há a confiança de que vale a pena protestar em favor de melhorias na educação.

*Com informações da emissora pública de televisão do Chile, TVN, e da agência estatal de notícias de Cuba, Prensa Latina.

Últimas notícias

24/10 - 18:30 Após quatro pregões de queda, Bovespa avança 2,4% com especulações eleitorais 24/10 - 18:27 TRE do Rio não vai proibir venda de bebidas alcoólicas no segundo turno 24/10 - 18:26 Presidente do TST diz que decisões do tribunal não são protecionistas 24/10 - 18:24 Gastos de brasileiros no exterior batem recorde em setembro 24/10 - 11:47 Venezuela reforça medidas de combate ao contrabando de alimentos e medicamentos 24/10 - 11:42 Forças federais atuarão no Maranhão para garantir segurança no segundo turno 24/10 - 11:40 Setembro registra déficit de US$ 7,9 bilhões em transações correntes 23/10 - 18:42 Bovespa cai à mínima em 6 meses por chance maior de reeleição de Dilma 23/10 - 18:38 Datafolha mostra Dilma liderando com 6 pontos à frente de Aécio 23/10 - 17:48 STF mantém valores de indenização do seguro Dpvat 23/10 - 17:41 Delegada é encontrada morta em casa na zona oeste do Rio 23/10 - 17:37 Defesa Civil vai distribuir água em Itu com caminhões-pipa 23/10 - 14:05 CNI: indicadores industriais melhoram, mas desaquecimento "ainda é expressivo" 23/10 - 14:03 Indústria quer quebrar barreiras e explorar melhor a biodiversidade 23/10 - 14:03 Indústria quer quebrar barreiras e explorar melhor a biodiversidade 23/10 - 13:48 Concessionárias de energia do Rio adotam esquema especial para domingo 23/10 - 13:46 Emprego formal fica estável há 21 meses na comparação mensal 22/10 - 19:09 Novo Datafolha repete Dilma com 52% e Aécio com 48% dos votos válidos

Edição Digital

Edição 22/10/14

© 2010 Copyright Diários Associados Todos os direitos reservados

O uso deste site está sujeito aos termos de uso. Ao continuar usando esta página, você concorda em cumprir com estes termos.